singcat.net

2zdinizz – 13 de maio* (prévia) 歌詞

お待ちください...

(prévia)

[intro]
lá lá ia lá ia
lá iá, lá ia
2zdinizz ein
eu vim cobrar quem me cobrou
lá ia lá ia…

[verso 1]
lutando pra não virar luto
acostumado a ter que mostrar meu valor já que minha cor era produto
eles tem a cor da paz, nós a cor do furto
por isso nós roubamos a cena e eles ficam puto
os mano’ tudo engaiolado e não são passarinho
e de tanto querer voar, viraram aviãozinho
eles não amam julieta, amam juliet
com disfarce 10/10 mas a cara é de sete
quem manda na rua é deus e a rua avisa
pense menos no seu pisante, mais onde ‘cê pisa
e o mundo é mais que só sua vida, então
pense fora da caixinha pros preto’ pensar fora do caixão
a culpa é do cabral que escravizou nossa cultura
e nos botou na viatura pra morrer
meritocracia, feliz em vê_la, pena não tê_la
já mataram tanto preto que agora até a culpa é das estrelas
[ponte]
lá lá ia lá ia
lá iá, lá ia
e hoje não tem lá lá iá de amor…
lá lá ia lá ia
lá iá, lá ia

[verso 2]
abre os olhos e vê como o sistema anda
que quando a bala come pra polícia, os preto’ é janta
e que se antigamente nos comprovam pelos dentes
hoje eles vão me pagar pelo o que sai da minha garganta
na rave a droga é f(b)ranca, mas no baile tem operação
engraçado, nunca vi bala perdida no leblon…
‘cês atira pelo tom, ainda me fala de igualdade
mas parece que aprenderam a dividir com o apartheid
os pretos sempre vão permanecer unido
porque vocês algemam eles desde cedo
e já que os preto’ sempre foram perseguido
agora eles não querem seguidor, e sim dinheiro
e os meno que ‘tão trepadão lá no telhado só esperando o sinal mas não são antena
do que adianta aqui não ter pena de morte se pra favelado e pobre, tem muita morte sem pena!
bolsonaro, o senhor é um furingo
que tá fudendo meu povo pra pelar o saco de gringo
e se tu não dá educação, não reclama de tráfico
enquanto ‘cês não der emprego, os tralha’ vão dar trabalho… extremismo é o caralho! ‘cês oprime desde sempre
preto morre e ‘cês nem sente porque quem bate não lembra
mas lembre_se: ágatha e evaldo provam que aqui no brasil, onde vive preto é 8 ou 80, tiros

- 2zdinizz

ランダム